O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE MAQUIAGEM DEFINITIVA

VOCÊ CONHECE OS PERIGOS DA MAQUIAGEM DE BAIXA QUALIDADE?
10 de novembro de 2017
Esmaltação em Gel
8 de março de 2018

Se você é antenada no mundo da moda e da beleza, provavelmente já ouviu falar sobre a maquiagem definitiva. A alternativa chegou como uma oportunidade para ficar bonita por mais tempo, sem ter que se maquiar com frequência.

Ficou interessada? Então, no post de hoje, saiba mais sobre o assunto e entenda melhor o procedimento. Continue a leitura e fique atenta!

Afinal, o que é maquiagem definitiva?

A técnica surgiu inspirada na tatuagem, baseada na aplicação de pigmentos hipoalérgicos e inorgânicos na pele para simular uma maquiagem permanente. O objetivo de toda essa mobilização é fazer com que os traços e os contornos do rosto fiquem ainda mais bonitos, trazendo mais satisfação para as mulheres.

A medida pode ser usada para maquiar olhos, sobrancelhas e boca, além de amenizar cicatrizes e consertar determinadas falhas. Ainda assim, a mais comum de todas as técnicas de maquiagem definitiva é a de sobrancelhas. Com o trabalho fio a fio, a maquiagem imita os pelos naturais e torna o rosto mais bonito e harmônico.

A aplicação é feita por um aparelho chamado demógrafo, que tem uma agulha que traz a pigmentação na ponta. Essa pigmentação é passada para a primeira camada da derme e garante ótimos resultados.

Quanto tempo a maquiagem definitiva dura?

Embora o nome expresse a noção de definitivo, a maquiagem não dura para sempre, mas entre 2 e 3 anos. Depois desse tempo, você deve investir em sessões de retoque.

Por outro lado, caso você não goste do resultado, é bom saber que o processo de despigmentação não é nada fácil, pois o trabalho é muito bem feito.

Qual é o investimento médio?

Essa é uma preocupação comum de qualquer mulher que se envolva com procedimentos estéticos, não é mesmo? Os preços podem variar bastante de um lugar para o outro, mas é bom ter muito cuidado e procurar uma clínica séria.

Em média, cada sessão de micropigmentação custa de R$ 500 a R$ 800. Dependendo da área que você quer maquiar e da sensibilidade de cada uma, cada sessão pode durar de 30 a 50 minutos.

Quais são os tipos de pigmentação?

As pigmentações para a maquiagem definitiva podem seguir duas vertentes: a orgânica e a inorgânica. O primeiro modelo é feito com base vegetal e garante uma coloração mais vibrante, como o vermelho. Eles são muito indicados para os lábios, mas o organismo pode rejeitá-los, o que leva ao desbotamento com mais facilidade.

Por outro lado, os pigmentos inorgânicos são feitos com dióxido de ferro ou titânio. Como você deve imaginar, essa pigmentação envolve cores mais escuras, muito usadas em olhos e sobrancelhas.

Existe alguma recomendação ou risco?

Pessoas que tenham hipertensão, diabetes, tumores ou outras doenças não devem se submeter ao tratamento. Para fazer tudo com mais facilidade, o ideal é aquela tradicional conversa com o médico.

Quanto aos cuidados, existem sim alguns que devem ser adotados. Quem tem pele mais escura deve tomar cuidado com a grande quantidade de melanina, que pode provocar melasmas e escurecendo a região ainda mais.

Além disso, vale a recomendação de procurar por um profissional e clínica com capacidade para fazer todo o procedimento com segurança. Você pode perceber isso pelo cuidado na escolha das cores e nos testes realizados. Além disso, sempre vale a pena procurar recomendações entre suas conhecidas que passaram pelo procedimento.

Para fechar, depois das sessões, a cicatrização deve ser acompanhada. Quem é submetida a isso deve evitar cremes com ácidos, investir em pomadas lubrificantes e tomar evitar algumas restrições, como saunas, sol e banhos muito quentes.

Agora que você já sabe tudo sobre a maquiagem definitiva, ficou bem mais fácil entender sobre os procedimentos, não é mesmo? Assim, você garante um visual ainda mais bonito com segurança e uma duração maior.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Whatsapp Chat